DIARIO DAS GUARDAS EM BLOG


Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 22h16
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 15h01
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 02h10
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Vinhedo multa caminhões que desviam de pedágio

Para impedir a fuga do pedágio do quilômetro 82 da Rodovia Anhangüera e o tráfego intenso em Vinhedo, a prefeitura da cidade começou a multar nesta segunda-feira os veículos de carga pesada que circulam em dez vias locais. Somente em três horas de uma blitz realizada no portal de entrada do município, a Guarda Civil Municipal aplicou 31  multas de R$ 85. Cada multa também acarreta quatro pontos na carteira do motorista.

O objetivo da operação, iniciada nos primeiros 15 dias de junho com uma ação informativa aos caminhoneiros, é reduzir o congestionamento em Vinhedo. "Além das principais vias ficarem congestionadas, o asfalto é danificado com freqüência", disse o prefeito João Carlos Donato (PR). "A cidade não está preparada para receber um fluxo tão grande de caminhões", afirmou.

O Sindicato dos Caminhoneiros de Campinas e Região reprovou a medida e estuda a possibilidade de fazer um boicote à cidade. "Quando o caminhoneiro trabalha para uma empresa, essa empresa paga o pedágio. Quando ele é autônomo, o valor acaba ficando muito pesado para ele pagar, por isso ele desvia. A categoria fala em boicote na entrega de alimentos em Vinhedo", afirmou o presidente do sindicato, Rubens Góis.

O Decreto 83/2008 proíbe o tráfego de caminhões nas Ruas João Edueta, João Degelo, Antonio Bucci, Roma, Carolina Von Zuben e Afonso Garbuio e Avenidas Independência, dos Imigrantes e Apparecida Tellay Seraphim e na Estrada da Boiada. "O prefeito deveria pensar numa solução que não prejudicasse os caminhoneiros. Um rodoanel, por exemplo", afirmou.

A prefeitura informou que o decreto não se aplica a veículos de carga e descarga de mercadorias que apresentem nota fiscal, além de usados no sistema público de limpeza, pela PM (Polícia Militar) ou pelo Corpo de Bombeiros, para atendimento emergencial a residências, vias públicas, redes de iluminação, telefonia, água e esgoto, televisão a cabo, internet, abastecimento e de hospitais e outros serviços públicos, além dos de carga licenciados no município.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 21h51
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Guarda Civil Municipal é roubado e agredido por ladrões armados com fuzil


 

O roubo começou por volta da 1h30min da madrugada desta sexta-fera, na Avenida 64 com as Ruas 7 e 8 no Jardim Panorama. Três assaltantes, dois armados com revólveres e outro armado com um fuzil renderam um Guarda Municipal de 39 anos que reside no Recanto Paraíso. Ele conversava do lado de fora de um veículo com uma técnica em enfermagem de 32 anos, moradora na Vila Olinda. Os dois foram surpreendidos pelos marginais e obrigados a entrar no veículo. Os ladrões seguiram até a Rodovia Wilson Finardi(SP-191), estrada que liga Rio Claro a Araras, onde descobriram a identidade do Guarda Municipal que foi agredido a coronhadas. Os bandidos roubaram do GM uma pistola 380, R$ 20,00 em dinheiro, tênis e um relógio. Da mulher os assaltantes levaram um celular, R$ 200,00 em dinheiro e o veículo Fox, ano 2008, de cor cinza e com placas EAW-5492 de Rio Claro.
 

O Guarda Municipal foi medicado no Pronto Socorro e a ocorrência foi atendida pelos Pm’s Gessé e Francisquini.



Guarda Civil detém ladrões de Cabos Telefônicos no Distrito de Ajapi, área rural de Rio Claro.

Na noite deste sexta-feira (30/05) por volta das 19h. os Guardas Civis Municipais Guerino e Marcos, componentes da Viatura 1.209, através de denuncia anônima, iniciaram busca ao  veiculo Fiat 147, cor azul, ocupado por dois homens  que praticaram furto de cabos telefônicos na área rural entre o Distrito de Ajapi e o Distrito de Ferraz.

Trinta minutos após a denuncia os Guardas Civis localizaram o veiculo Fiat 147 placas BLJ-4761 - Santo Anastácio SP, transitando pelas rua de Ajapi sendo que os ocupantes do veiculo ao notarem a aproximação da viatura tentaram sair em fuga mas foram rapidamente interceptados pelos GCMs. que constataram uma grande quantidade de cabos telefônicos no interior do veiculo.

Maurílio De Oliveira, 38 anos e Antonio Ferreira Silva, vulgo Lídio, 49 anos, ambos residentes na cidade de Leme, receberam voz de prisão sendo conduzidos ao Plantão Policial onde o Delegado de Plantão autuou Maurílio e Lídio em flagrante de delito determinando o recolhimento dos indiciados ao presídio de Itirapina e a apreensão do material, aproximadamente 500 quilos de cabos telefônicos, assim como do veiculo.

Com a prisão da dupla a Guarda Civil de Rio Claro acredita que tal pratica de furto deva diminuir consideravelmente naquela área do Município de Rio Claro. A Guarda Civil vinha monitorando a área dos Distritos de Ajapi e Ferraz no intuito de deter quem vinha furtando cabos telefônicos na região que sofria constantemente tal pratica ilícita deixando os moradores, empresários e comerciantes sem comunicação.

O representante da Empresa Estação Engenharia Sr. Edison, prestadora de serviços da Telefônica, esteve presente no Plantão Policial e declarou a reportagem que o serviço que a Guarda Civil vem realizando naquela região é de grande importância pois evita que venha a ocorrer furto de cabos com mais freqüência visto que a ousadia dos ladrões e grande mesmo sabendo que aquela área tem patrulhamento constante da Guarda civil.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 22h13
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Mauá oferece 100 vagas na Guarda Civil

Da Redação

type=text/javascript> src="http://pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js" type=text/javascript> name=google_ads_frame marginWidth=0 marginHeight=0 src="http://pagead2.googlesyndication.com/pagead/ads?client=ca-pub-5588251430161554&dt=1213058667406&lmt=1213058467&format=180x150_as&output=html&correlator=1213058667390&channel=2303546209&url=http%3A%2F%2Fwww.reporterdiario.com.br%2Findex.php%3Fid%3D80428&color_bg=FFFFFF&color_text=000000&color_link=000000&color_url=FFFFFF&color_border=E6E6E6&ad_type=text&frm=0&ui=rc%3A6&cc=53&ga_vid=376644951381624500.1213058667&ga_sid=1213058667&ga_hid=864109136&flash=9.0.115&u_h=612&u_w=1088&u_ah=582&u_aw=1088&u_cd=32&u_tz=-180&u_his=1&u_java=true&u_nplug=24&u_nmime=108" frameBorder=0 width=180 scrolling=no height=150 allowTransparency>
Desde o último sábado (7) está aberto o período de inscrições para os interessados em ingressar na Guarda Civil Municipal de Mauá. São oferecidas 100 vagas para homens e mulheres. O edital do Concurso esta publicado no site da prefeitura de Mauá e no site da Moura Melo Concursos. A taxa de inscrição é de R$ 25.

O processo seletivo se dará em quatro etapas: inscrições, que podem ser realizadas pela internet ou diretamente na Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Comunitária (avenida Dom José Gaspar, 1.254, Vila Assis), de 7 a 15 de junho; prova de conhecimentos gerais; testes de aptidão física; e testes psicológicos.


Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 21h41
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Guarda apreende balão de 4 metros em Jundiaí


Um balão de 4 metros com fogos de artifício amarrados com barbantes caiu em uma chácara na noite deste domingo, 8, na avenida Professor Pedro Clarismundo Fornari, Jardim Sales, em Jundiaí.

Ele ficou enroscado a uma árvore já apagado. Com a chegada das viaturas da Guarda Municipal, os baloeiros fugiram. Nas últimas duas semanas, foram registrados pelo menos cinco apreensões de balões em Jundiaí.


Prefeito entrega 196 veículos novos à Guarda Civil Metropolitana

A cerimônia de entrega aconteceu no Parque da Independência. Pela primeira vez, as viaturas serão fornecidas em regime de locação, permitindo substituição imediata no caso de quebra, sem precisar esperar os consertos.


Ricardo Fonseca/Secom

Os veículos são fornecidos em regime de locação

O prefeito de São Paulo entregou oficialmente nesta terça-feira (03/05) um total de 196 veículos novos para uso da Guarda Civil Metropolitana (GCM). Pela primeira vez, as viaturas serão fornecidas à corporação em regime de locação, o que permite a substituição imediata dos veículos em caso de quebra, sem a necessidade de aguardar consertos. A cerimônia de entrega ocorreu no Parque da Independência (Zona Sul).

São quatro modelos de veículos: nove caminhonetes S10, com tração nas quatro rodas, que serão utilizadas pela Guarda Civil Ambiental; 36 Palios, 139 Prismas e 12 Kombis.

As 196 viaturas serão distribuídas da seguinte maneira: a Zona Norte receberá 25 viaturas; a Zona Sul, 39; Zona Oeste, 31; Zona Leste, 55; e Centro, 30.

A Superintendência de Fiscalização do Comércio Ambulante e Atividades Afins, Mediação de Conflitos e Gerenciamento de Crises (Sufime) receberá 7 viaturas, além das 9 caminhonetes que serão distribuídas nas Subprefeituras com áreas de manancial. O número de viaturas passou de 297, no final de 2004, para 577, sem contar a frota de motocicletas.

"Além das viaturas, fizemos os investimentos necessários em recursos humanos, manutenção e logística", afirmou o prefeito. "A nossa preocupação com a segurança é prioritária. Nossas ações em conjunto com o Governo do Estado, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Científica e Secretaria de Segurança Pública têm sido à altura dos problemas que enfrentamos", acrescentou ele.

Uma das conquistas recentes da GCM foi a criação da Guarda Ambiental. Dá suporte à Operação Defesa das Águas, para proteger áreas de manancial e áreas verdes da Cidade, com 260 homens. Desde 2007, foram contratados 1.029 novos agentes para a GCM.

"Uma prioridade da Guarda é proteger as escolas. Das novas viaturas, 93 serão exclusivas para a proteção escolar. Também é prioridade o apoio aos agentes públicos em ações de fiscalização, aos agentes sociais que trabalham com a população em situação de rua e no controle do espaço urbano para inibir a ação de ambulantes irregulares", explicou o secretário executivo do Gabinete de Segurança Urbana.

Também faz parte das atribuições da GCM a proteção do patrimônio municipal, prédios estratégicos, monumentos e túneis. A ronda nos túneis tem reduzido a ocorrência de roubos de fios e cabos.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 11h00
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




 Guardas Municipais pedem exoneração de secretário de segurança
Guarda de São José dos Pinhais argumenta que o secretário age com truculência e promete paralisação caso a situação não seja resolvida

 

guarda.jpg

 

Guardas Municipais de São José do Pinhais vão se reunir hoje (6) com o Leopoldo Costa Meyer para pedir a exoneração do secretário de segurança da cidade, Ariovaldo Gouveia. Eles afirmam que o secretário age com truculência e ofende verbalmente os guardas. Caso Gouveia não seja retirado do cargo, os guardas prometem fazer paralisação.

 

“Chegou a um ponto que não dá mais para agüentar. Ele já responde a três processos por assédio moral por causa disso”, afirma o guarda Willian César de Oliveira.

 

Oliveira diz que a situação começou há cerca de dois anos, depois que a categoria reivindicou alterações na escala de trabalho e pagamento de hora extra. “Ele negou tudo e não quis mais saber de conversa. Foi quando começou a perseguição”. Segundo o guarda, Gouveia chegou até a proibir os guardas de utilizar viaturas para fazer patrulhamento nos bairros.

 

O guarda Samarone também presenciou cenas de violência do secretário. Segundo ele, na última quarta-feira (4) a sua esposa - que também é guarda municipal - foi insultada dentro da sede da guarda. “Ele partir pra cima dela e começou a xingar, em frente a várias pessoas, causando muito constrangimento. Na hora que vi isso, liguei para o prefeito e cobrei como ele pode manter uma pessoa assim como secretário”, diz Samarone.

  A assessoria de imprensa da Prefeitura de São José do Pinhais não deu nenhuma declaração sobre o assunto.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 10h59
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Aulas de tiro para alunos da Guarda Municipal de Rio Claro




As aulas de tiro dos estagiários da Guarda Civil de Rio Claro continuam nas duas próximas semanas. A matéria começou a ser ministrada na última segunda-feira (2) para os 50 alunos que fazem o curso de formação para serem efetivados na GCM.

Enquanto um grupo recebe as orientações sobre o trabalho com armas de fogo, os demais fazem trabalho prático acompanhando os veteranos nas rondas pela cidade.

Iniciado há quatro meses, o curso terá uma série de palestras entre os dias 23 e 27 e no dia 30 acontece a formatura dos estagiários, que passam a integrar a corporação de maneira definitiva.

Ao final do curso quantidade de guardas civis em Rio Claro chegará a 169, quase o dobro dos cerca de 80 que compunham o efetivo há quatro anos.

De lá para cá a prefeitura realizou dois concursos públicos para aumentar o número de GCM’s em Rio Claro. Nesse meio tempo, outros avanços foram feitos, como o armamento da guarda e a implantação de novo estatuto aos profissionais, além de aquisição de equipamentos e veículos.

O resultado é uma Guarda Civil com maio poder de atuação no atendimento à comunidade, seja em trabalho próprio ou em apoio às polícias civil e militar.

Recente exemplo dos investimentos feitos pela prefeitura no setor são os 60 rádios HT colocados à disposição dos guardas nesta semana. O equipamento chegou na última quarta-feira (4). Até a semana passada a Guarda Civil dispunha de apenas 70 rádios do tipo.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 21h58
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Ladrões abusam de guarda civil em Rancharia

Agencia Estado
Uma moça que trabalha na Guarda Civil de Rancharia, no interior paulista, sofreu abusos de quatro homens armados que na madrugada de hoje invadiram a Prefeitura da cidade. A mulher fazia a vigilância patrimonial do local. Encapuzados, os ladrões agarraram a jovem e a levaram para um banheiro. Ela foi amarrada e sofreu violento atentado ao pudor, segundo a delegada Marisa Isabel Tardin, titular da Delegacia da Mulher. Para evitar constrangimentos, o nome da vítima não foi divulgado. Os homens não roubaram nada nem bateram na mulher. Eles fugiram deixando a jovem amarrada. Ela só foi libertada por volta das 4 horas da manhã, depois de gritar por socorro. Os gritos foram ouvidos por um trabalhador que avisou a polícia. Até agora, a polícia não prendeu os responsáveis


Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 11h06
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Prefeitura de Sorocaba cria a ouvidoria e corregedoria da Guarda Municipal


A Câmara de Sorocaba vota na sessão desta quinta-feira, 5, em primeira discussão, projeto de lei que cria a ouvidoria e corregedoria da Guarda Municipal. A proposta foi enviada pelo prefeito Vitor Lippi (PSDB).

De acordo com a projeto, a corregedoria vai averiguar crimes que envolvam integrantes da GM, quando determinado pela Secretaria de Governo e Planejamento. Já a ouvidoria vai receber denúncias, reclamações e representações de atos considerado arbitrários.


Guardas Municipais de Atalaia protestam por melhoria salarial e condições de trabalho

 

 

Cansados de esperarem o agendamento de uma reunião com o Prefeito de Atalaia, Francisco Luiz, os Guardas Municipais se muniram de apitos e fogos de artifícios e saíram em caminhada pelas ruas da cidade pedindo respeito ao Prefeito e exigindo que o mesmo cumpra a lei em vigor e pague corretamente os benefícios e vantagens que não vem sendo honrados pela Prefeitura.

 

Entre as reivindicações, os Servidores querem melhorias nas condições de trabalho, correção nos percentuais do adicional noturno e hora-extra, pagamento de uma pendência financeira devida pela Prefeitura referente a agosto de 2006, e a regularização do porte de arma de fogo.

 

Após percorrerem diversas ruas da cidade e pararem em frente a Câmara de Vereadores e da Prefeitura, os Guardas se dirigiram até o Fórum de Atalaia onde foram recebidos pelo Juiz e Promotor da Comarca local. Após intensa discussão ocorrida entre representantes do Sindguarda e os magistrados, é que foi possível agendar uma reunião com o Prefeito, a qual acontecerá na próxima quinta-feira (05).

 

Os GMs de Atalaia contaram com o reforço de cerca de sessenta Guardas Municipais, pertencentes aos municípios de Maceió, Girau do Ponciano, São Miguel dos Campos, Matriz do Camaragibe e Jequiá da Praia.

Fonte: Sindguarda     



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 02h07
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Guarda Civil Municipal de Santa Bárbara d’Oeste-SP adquiri pistolas 380

 


Além dos revolveres 38 a Guarda Municipal de Santa Bárbara d’Oeste adquiriu 50 pistolas .380, que vai dar suporte ao trabalho dos Guardas Civis Municipais que atuam em rondas nas vias públicas da cidade.


Foram adquiridas 50 pistolas Taurus cal.380, modelo PT59 ACP, oxidadas que foram pagas como carga individual a 50 Patrulheiros da Guarda Civil Municipal acompanhada de 50 munições cal.380 marca CBC, podendo ser levadas para a casa do Patrulheiro.


Nesta segunda e terça feira, os Patrulheiros que receberam as armas passaram por treinamento realizado nas dependências da SESETRAN, ministrada pelo Subinspetor Campos e supervisão do Comandante da Guarda Civil, Sr. Eulício da Silva Pequeno com a carga de 06h00 de treinamento por dia.


Os Patrulheiros aprenderam sobre:


Nomenclatura do armamento, controle de arma, regras de segurança, manuseio, postura e exercícios de municiamento, fundamentação do tiro, posição de tiro e manutenção do equipamento. Com as novas pistolas, os guardas civis municipais terão maior capacidade de resposta aos criminosos. O treinamento foi um meio de os participantes não terem dúvidas no momento do manuseio.


No ano passado a Guarda Civil já havia adquirido 23 pistolas Taurus, Cal.380 modelo PT58 ACP Plus que já foram pagas como carga individual a 23 Patrulheiros.


20 revolveres cal.38, Taurus doadas pela ESALQ (Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz) de Piracicaba, também no ano passado, serão futuramente pagas como carga individual para mais 20 Patrulheiros.


A pistola é atualmente um equipamento necessário para os tipos de situação de risco enfrentada pela Guarda Civil Municipal no trabalho realizado nas vias públicas da cidade. A nova arma é semi-automática e tem mais capacidade de disparo, sendo que com os revólveres isso é feito por repetição, tiro a tiro. Enquanto a capacidade do revólver é para seis tiros a pistola adquirida pela Guarda Municipal tem capacidade para 19 tiros mais um na câmara, chegando a 20 tiros.


Em comparação ao revólver, a pistola tem mais mira, capacidade e resistência, por isso seu manuseio requer mais técnica por parte do atirador. Seu projétil pesa entre 5,8 e 6,1 gramas, de acordo com o tipo e fabricante. Sua velocidade média é de 256 metros por segundo e produz uma energia de 20,39 kg. No modelo PT380 possui miras fixas sistema três pontos, cano de 4 polegadas, pesa cerca de 1 kg e vem com dois carregadores.

Fonte: Maior Portal GMs




Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 02h03
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Luna diz que Guarda Municipal pode ser "braço armado" de prefeito

 

 

O delegado da PF José Pinto de Luna, superintende da Polícia Federal, disse, na manhã do último dia 2, que as Guardas Municipais "são braços armados dos prefeitos em algumas cidades alagoanas, "deixando de cumprir o que é o seu papel legal". O trabalho dessas intituições, afirmou, pode ser de grande valia para a população, mas se resume, em alguns casos, ao apoio armado ao chefe da municipalidade."Ficam na porta da casa do prefeito, armados de espingarda doze, o que até amedronta as pessoas. Poderiam, por exemplo, ser treinados para fazer um parto de emergência, em caso de necessidade."

 

Quanto ao uso desse tipo de armamento - espingarda doze - o delegado afirmou que há, também, abuso por parte de guardas municipais. Ele citou o exemplo de São Miguel dos Campos, a partir de denúncia que recebeu do Sindicato dos Guardas Municipais."Eu enviei um ofício para a prefeitura pedindo a relação das armas usadas por esses servidores. Não recebi uma resposta direta, como esperava, mas, sim, um outro ofício comunicando que estava sendo feito um levantamento do arsenal da Guarda de lá. Dizia também, o ofício, que oito armas foram extraviadas da corporação, das quais seis seriam espingardas calibre doze". Ele adiantou que vai convocar o secretário municipal que enviou o ofício, para que ele explique a situação, "trazendo, inclusive, os boletins de ocorrência comprovando o desvio das armas".

Fonte: Ricardo Mota



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 02h03
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Guardas Municipais poderão receber doação de armas apreendidas

 

 

A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado reúne-se na próxima quarta-feira (4), às 14 horas, para votar projetos de lei e requerimentos. Um dos que estão na pauta é o PL 353/07, do deputado Laerte Bessa (PMDB-DF), que destina às polícias as armas apreendidas em operações policiais. Pela proposta, só serão doadas armas pelas quais as polícias manifestarem interesse. As demais serão destruídas. O projeto também permite que policiais possam adquirir duas armas curtas e uma arma longa, para uso próprio, com isenção de todos os impostos e taxas incidentes. Além disso, eles terão direito a dois coletes balísticos e a cem cartuchos por trimestre, para uso pessoal, também com isenção de tributos.


A relatora, deputada Marina Maggessi (PPS-RJ), defende a aprovação da proposta, mas apresentou quatro emendas. Uma delas prevê que as doações poderão ser feitas também às Guardas Municipais e às Forças Armadas. Outra altera de 30 para 90 dias o prazo para que as armas não doadas sejam destruídas. A mesma emenda permite ainda a doação de armas que tenham sido voluntariamente entregues à polícia, e não apenas as apreendidas. Caso não haja interesse por elas, também serão destruídas. A outra emenda trata apenas da redação da proposta.


Outro projeto que pode ser votado é o PL 2257/07, do deputado Carlos Souza (PP-AM), que estabelece pena de seis meses a três anos de detenção para o condutor de veículo que dirigir sob efeito de drogas. O relator, deputado Neucimar Fraga (PDT-ES), defende a aprovação da proposta.

Fonte: Agência Câmara



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 02h02
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Guarda Civil Municipal de Santa Bárbara d’Oeste-SP adquiri pistolas 380

 


Além dos revolveres 38 a Guarda Municipal de Santa Bárbara d’Oeste adquiriu 50 pistolas .380, que vai dar suporte ao trabalho dos Guardas Civis Municipais que atuam em rondas nas vias públicas da cidade.


Foram adquiridas 50 pistolas Taurus cal.380, modelo PT59 ACP, oxidadas que foram pagas como carga individual a 50 Patrulheiros da Guarda Civil Municipal acompanhada de 50 munições cal.380 marca CBC, podendo ser levadas para a casa do Patrulheiro.


Nesta segunda e terça feira, os Patrulheiros que receberam as armas passaram por treinamento realizado nas dependências da SESETRAN, ministrada pelo Subinspetor Campos e supervisão do Comandante da Guarda Civil, Sr. Eulício da Silva Pequeno com a carga de 06h00 de treinamento por dia.


Os Patrulheiros aprenderam sobre:


Nomenclatura do armamento, controle de arma, regras de segurança, manuseio, postura e exercícios de municiamento, fundamentação do tiro, posição de tiro e manutenção do equipamento. Com as novas pistolas, os guardas civis municipais terão maior capacidade de resposta aos criminosos. O treinamento foi um meio de os participantes não terem dúvidas no momento do manuseio.


No ano passado a Guarda Civil já havia adquirido 23 pistolas Taurus, Cal.380 modelo PT58 ACP Plus que já foram pagas como carga individual a 23 Patrulheiros.


20 revolveres cal.38, Taurus doadas pela ESALQ (Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz) de Piracicaba, também no ano passado, serão futuramente pagas como carga individual para mais 20 Patrulheiros.


A pistola é atualmente um equipamento necessário para os tipos de situação de risco enfrentada pela Guarda Civil Municipal no trabalho realizado nas vias públicas da cidade. A nova arma é semi-automática e tem mais capacidade de disparo, sendo que com os revólveres isso é feito por repetição, tiro a tiro. Enquanto a capacidade do revólver é para seis tiros a pistola adquirida pela Guarda Municipal tem capacidade para 19 tiros mais um na câmara, chegando a 20 tiros.


Em comparação ao revólver, a pistola tem mais mira, capacidade e resistência, por isso seu manuseio requer mais técnica por parte do atirador. Seu projétil pesa entre 5,8 e 6,1 gramas, de acordo com o tipo e fabricante. Sua velocidade média é de 256 metros por segundo e produz uma energia de 20,39 kg. No modelo PT380 possui miras fixas sistema três pontos, cano de 4 polegadas, pesa cerca de 1 kg e vem com dois carregadores.

Fonte: Maior Portal GMs



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 01h25
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Novas regras para uso do capacete estão em vigor

RIO - Os motociclistas agora têm uma nova regra para o uso dos capacetes: de acordo com o Conselho Nacional de Trânsito, todos os capacetes comprados a partir do dia 1º de agosto do ano passado devem ter a certificação do Inmetro e adesivos refletivos nas laterais e na parte de trás. No entanto, os capacetes comprados antes de 2007 podem continuar sendo usados, mesmo sem a proteção total. Nestes casos, será verificado apenas o uso da cinta e dos óculos de proteção, o que significa que muitos motociclistas vão continuar dirigindo com menos segurança. Eles mesmos admitem que as novas regras são importantes para evitar acidentes.

O capacete precisa ficar preso à cabeça do condutor por uma cinta e ainda deve ter viseira. Caso contrário o motociclista tem que usar óculos de proteção.

- Com a faixa reflexiva, ele será visto melhor pelo motorista do carro. A viseira vai evitar que alguma pedrinha atrapalhe sua visão. E com a certificação, o capacete será mais seguro, vai resistir melhor aos impactos, vai absorver melhor os impactos - explicou Gustavo Kuster, chefe da Divisão de Produtos do Inmetro ao RJTV.

Segundo o Detran, a Guarda Municipal será responsável pela fiscalização. Quando houver blitz, a Polícia Militar também vai verificar se o capacete está dentro das normas. Se o motociclista desrespeitar as novas regras, estará cometendo uma infração grave e terá que pagar uma multa no valor de R$ 127,69.

Segundo a Guarda Municipal, a fiscalização começou nesta segunda-feira, em vários pontos da cidade. No fim da tarde, a Guarda terá um balanço de como foi esse primeiro dia de trabalho e de quantos motoqueiros estavam em situação irregular.

O RJTV conversou com o inspetor da Guarda Municipal José Ricardo Soares.

RJTV:A medida substituirá o prazo antigo, quando a CNH era entregue ao usuário em até oito dias, contados a partir da aprovação na prova prática: Como será essa fiscalização e como os guardas vão saber se os capacetes foram comprados depois de 1º de agosto de 2007?

José Ricardo Soares: Essa operação começou nesta segunda e os guardas estão orientados a fiscalizar essas condutas nos pontos de fluidez. Os guardas vão parar esses veículos e verificar essa situação. Estamos com algumas operações também já agendadas para esta semana com alguns órgãos, como a Polícia Militar e a própria delegacia.

Como os guardas vão saber se eles realmente foram comprados depois de 1º agosto de 2007?

Isso nós vamos verificar nas operações. Os guardas vão trabalhar no dia-a-dia em cima do artigo 244, que é a respeito de dirigir sem viseira e sem capacete. O restante nós vamos verificar somente nos pontos de parada, porque aí o guarda vai verificar o selo do Inmetro e também a fabricação desses capacetes, que tem que ser a partir do dia 1º de agosto de 2007.

Como fica a situação dos motoqueiros que têm os capacetes antigos, ou seja, não têm as faixas refletivas, nem o selo do Inmetro? Isso não traria mais insegurança a eles no trânsito?

Eles ainda não estarão adequados à lei, mas creio que o próprio Detran ou o Denatran darão uma resolução a respeito desses casos.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 17h03
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Guarda Civil detém ladrões de Cabos Telefônicos no Distrito de Ajapi, área rural de Rio Claro

Na noite desta sexta-feira, dia 30/05, por volta das 19 horas, os Guardas Civis Municipais, Guerino e Marcos, integrantes da Viatura 1.209, através de denúncia anônima, iniciaram busca ao veiculo Fiat 147, cor azul, ocupado por dois homens que praticaram furto de cabos telefônicos na área rural entre o Distrito de Ajapi e o Distrito de Ferraz.

Trinta minutos após a denúncia, os Guardas Civis localizaram o veiculo Fiat 147 placas BLJ-4761 - Santo Anastácio/SP, transitando pelas ruas de Ajapi sendo que os ocupantes do veiculo ao notarem a aproximação da viatura tentaram sair em fuga, mas foram rapidamente interceptados pelos GCM’s que constataram uma grande quantidade de cabos telefônicos no interior do veiculo.

M.O., de 38 anos e A.F.S., vulgo Lídio, de 49 anos, ambos residentes na cidade de Leme, receberam voz de prisão sendo conduzidos ao Plantão Policial onde o Delegado de Plantão autuou M. e A. em flagrante de delito, determinando o recolhimento dos indiciados ao presídio de Itirapina e a apreensão do material, aproximadamente 500 quilos de cabos telefônicos, assim como do veiculo.

Com a prisão da dupla, a Guarda Civil de Rio Claro acredita que tal pratica de furto deva diminuir consideravelmente naquela área do Município de Rio Claro. A Guarda Civil vinha monitorando a área dos Distritos de Ajapi e Ferraz no intuito de deter quem vinha furtando cabos telefônicos na região que sofria constantemente com tal pratica ilícita deixando os moradores, empresários e comerciantes sem comunicação.

O representante da Empresa Estação Engenharia Sr. Edison, prestadora de serviços da Telefônica, esteve presente no Plantão Policial e declarou a reportagem que o serviço que a Guarda Civil vem realizando naquela região é de grande importância, pois evita que venha a ocorrer novos furtos de cabos.



Escrito por Lucival/GM de Leme/SP às 12h07
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 



Meu perfil
BRASIL, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese
MSN - gmleme_4@hotmail.com
Histórico
Outros sites
  AGMESP
  Rio Claro
  União das Guardas
  Minha Vida Pessoal
Votação
  Dê uma nota para meu blog